Animação Japonesa

A カイト
Yasuomi Umetsu
1998
Yasuomi Umetsu confere à obra uma razoável dose de estilo e uma excelente mise-en-scène nas cenas de ação, que são o ponto forte de Kite
2.5/5
Omoide no Mānii
Hiromasa Yonebayashi
2014
Um dos melhores filmes do Studio Ghibli que não foi feito pela dupla Miazaki-Takahata.
5/5
Paprika
Satoshi Kon
2006
O filmeaborda a invasão dos sonhos, as consequências na vida real e a relação entre a persona virtual e onírica, enquanto também destaca influências da obra de William Gibson.
5/5
Kokuriko-zaka Kara
Goro Miyazaki
2011
Embora o desenho não seja ruim, este filme funcionaria muito melhor num live-action, com atores reais.
4/5
Neko no Ongaeshi
Hiroyuki Morita
2002
Embora ainda não esteja entre os meus favoritos, está longe de ser tão ruim quanto inicialmente me parecia. Agora, com um maior entendimento da cultura japonesa do que na primeira vez que o assisti, consigo apreciá-lo como uma obra digna
3/5
Mimi wo Sumaseba
Yoshifumi Kondo
1995
Sussurros do Coração é o primeiro longa do Studio Ghibli que não foi dirigido pelos co-fundadores Hayao Miyazaki ou Isao Takahata. Yoshifumi Kondo, no entanto, nos apresenta uma típica animação ghibliana, com uma grande influência miyazakiana.
4/5
Heisei Tanuki Gassen Ponpoko
Isao Takahata
1994
Isao Takahata assume aqui uma mistura de comédia e fábula com elementos do folclore oriental e tons eco-ativistas bastante claros.
5/5
Rolar para cima